10 September, 2009

UMA BREVE QUESTÃO DENOMINACIONAL

Imagine que Jesus Cristo, o Santo Filho de Deus, virá dos Céus para trazer uma Palavra no próximo domingo... aonde ele iria?

12 comments:

Vilma said...

Ui... Talvez por isso mesmo Ele veio à Terra na época em que veio...!

Ego ipse said...

Esta pergunta é arrepiante!! Quase nos leva a pensar que seria preferivel Ele não vir....

Fa menor said...

Oh! a Portugal?

Bjos

Anonymous said...

Ele iria "na minha" igreja, é claro.
Afinal, "todas as outras" são heréticas.

Abraço, e um "anônimo"... NHÁ!

leo268 said...

hmm
certeza q nas igrejas nao =P
uma praça publica, a Rua augusta, uma praia... =P

anareis said...

Estou fazendo uma Campanha de Natal para crianças necessitadas da minha comunidade carente aqui no Rio de Janeiro,são crianças que não tem nada no Natal,as doações serão destinadas a compra de cestas básicas-roupas-calçados e brinquedos. Se cada um de nós doar-mos um pouquinho DEUS multiplicará em muitas crianças felizes. Se voce quiser ajudar é fácil,basta depositar qualquer quantia no Banco do Brasil agencia 3082-1 conta 9.799-3 Voce verá como doar faz bem a Alma,obrigado. meu email asilvareis10@gmail.com

Marcelo Hagah said...

No Caminho da Graça certamente que não! O Caio Fábio estaria lá, e o povo teria que escolher entre dois senhores. Certamente, Jesus perderia. Então, teria que sair e pregar numa sinagoga moderna, algo como Salão do Reino dos TJs, para convertê-los.

Na Assembleia de Deus também não. Depois de 3 minutos sem gritar, o povo logo lhe chamaria de "crente cru".

Marcelo Hagah
João Pessoa-PB

Antonio Mano said...

Certamente.. para os que necessitam, e aí, já não é mais a condição do lugar que importa, mas sim, a condição do estado das pessoas.

Henrique Abrantes said...

Olá tudo bem? Eu sou do Grupo HAS e tenho interesse em colocar um banner no seu blog.
Na verdade seria uma troca, você colocaria um banner no meu blog e vice versa entre em contato comigo:
E-mail: has.25@hotmail.com
Blog: http://has02.blogspot.com

Samuel Rezende said...

Graça e paz,
Acho que seria muito difícil que lhe dessem "vez e voz" em muitas placas denominacionais. O Grande Inquisidor de Dostoiévski o condenaria ao silêncio ou ao exílio?

Caio, Um 2010 de paz e alegria nAquele que nos faz mais do que vencedores.

Caio Kaiel said...

Também acho que em igreja alguma - não seria obra humana, como parte de algum evento "evangelístico".

Creio que ele pararia numa rua ou praça, ou então ele pregaria na madrugada daqueles lugares "sujos" dos grandes cidades...

Obrigado a todos.
Caio

Anonymous said...

Pelo pouco que conheço da personalidade do Mestre, que foi morto na periferia, entre dois bandidos, acho que ele iria nos lugares que os evangélicos "santos demais" jamais pisariam. Ele defenderia as prostitutas indefesas, evitaria agressões aos homossexuais e defenderia radicalmente os demais excluídos, apontaria (como João Batista) os crimes dos palácios e arcaria com as consequências de falar abertamente contra a maldade e a hipocrisia que é abrigada principalmente no coração daqueles que condenam em seu nome: os que se auto-intitulam evangélicos ou seguidores da Bíblia...
Não creio que Jesus entraria em algum templo religioso.